« Domestico | Quando a vejo é como uma orquídea Leve e jeitosa, ... » | Niver » | Puskas » | Desejos e delírios » | Fichas » | Quando eu vir dali » | Espelhos » | Lágrimas » | A Voz » | Gente... »

Lucy

Ela é uma luz
Multitônica
Focos de esperança
Brilhando no céu.
Ela é um sorriso rasgado
Uma vida que muda
Uma reviravolta
Um terremoto no mundo.
Ela é a ilusão
Que fica e revive:
Um País de Maravilhas,
Nascida e vivida do seio do inesperado.
Ela é uma surpresa a cada curva
Lucy (dez) de marços encalorados.
Ela é um dos olhos que espreitam
Na Terra, amando a folha que gira
Ao vento...

sabendo que vc é brasiliense, arriscaria falar que esse pra ex (falecida) do Herbert Vianna, mas como esse palpite é deveras alucinogeno, fico com os elogios em default

Lucy muito muito muito muito muito feliz!

:*

comentário off:
Eu li o comentário do Selph e pensei "meu Deus, como alguém pode ser um 'ex-falecido'. Mas meus neurônios logo resolveram trabalhar e então respirei!

comentário on:
Não acho que os Beatles tenham cantado à toa "Lucy in the sky". Acho que elas merecem! Adoro quando você fala das pessoas, fica tão bonito! Besitos!

o grande luxo de encontrar alguem assim é saber que essa pessoas vai deixar algo de bom na sua vida, engraçado existem mesmo pessoas assim que não passam, definitivamente, marcam a vida da gente... :)

Dava tudo pra saber se o aniversário dela é mesmo dezde março...

Se for, tu é um BAITA poeta esperto!

Dava tudo pra saber se o aniversário dela é mesmo dezde março...

Se for, tu é um BAITA poeta esperto!

Que lindo Poema, querido! Por isso que "Lucy muito muito muito feliz"!

Desculpe a invasão...
Lindo poema!
Beijos

Muito fofinho! :)
só acho que podia ser mais trabalhado...
Bjão!

Posta un commento