« Domestico | Sobre Periquitos e Matemáticos » | Triste... » | Bela Flor » | Virgínia » | Ao Anjo Vingador » | Senhoras e senhores Meninos e meninas Donzelas ... » | Vocês gostam de matemática? » | Sobre o Amor, Suicídio e Outras Histórias » | Surprises » | Voltei »

Vênus


Dedos em riste
Seguem o caminho
E beijam a nudez quente

A grande obra do artista
Repousa nua, sobre o sustentáculo
Sobre o retículo
O trono sobre as nuvens
A barca indômita e vulgar
A característica etérea e insolente...

Sim, a desejo aos montes
A desejo mais do que a vida
Mais que a dor do parto diário
Mais do que a emoção
Do orgasmo contínuo, contido, global

Felicitações e prosódias
Poesias e vis histórias
Roupas deixadas ao léu...

Às vezes eu penso desejar dessa forma tb. Mas tudo não passa de um sonho.

Gostei do poema, e da imagem! Besitos!

Viva!!!
Belo poema meu irmão!!
Estás apaixonado?

pra quem nasceu o esperma do Urano, toda Ode soa sensual...

curti!
curti tanto que tô comentando:~)
ô..mto bom...vai pros meus favoritos, certeza...
ah e vc não sabe.
escrevi 1 poesia!!!!
corre no meu blog, dude!!!!! :]
bjocããããão

O nascimento da Vênus é sem duvida , pra minha modesta opinião a obra mais linda que já vi e ainda mais acompanhada de seu belo poema .
Saudades daqui =D
beijos ,até mais

Ana: Oras, Miss P. deixa de bobice. Nóis sabe que tu não merece essa deprê toda...

Policarpe: Tudo é paixão, meu amigo...

Selph: Dá-lhe Urano...

Aline: Viva o poeminha. Amei..

Aryana: Viva Vênus...

Adorei o poema!
Muito bonito mesmo!
Bjs!

Lindo, Poeta! A sua "volta" está ficando cada vez melhor. Mas estou com saudades de você...

Posta un commento